Guarda o seu coração




"Dois homens olharam através das grades da prisão; um viu a lama, o outro as estrelas". Agostinho











Sobre ostras eu não entendo muito, mas sei que são elas as responsáveis por ornar e encantar pessoas, dando um brilho diferente e deixando-as mais elegante. São das ostras que se originam as pérolas. No entanto, o que muita gente não sabe, é que esta jóia preciosa é resultado de muitos ferimentos produzido por outras substâncias que adentraram em sua concha.


Como mecanismo de defesa e para curar seus ferimentos, a ostra libera outra substância que ao longo do processo, vai  acumulando, formando então a pérola. Por isso a ostra é tão fechada, pois se alguma substância indesejada entra em seu interior, pode causar ferimentos e até a morte. Contudo, mesmo sendo tão fechada, ainda assim a ostra não consegue impedir a entrada dessas substâncias. As pérolas são nada mais nada menos que cicatrizes destes ferimentos. Mas é bem verdade que sem ferimentos e cicatrizes não existe pérola. 


Acredito que em cada pessoa há uma jóia muito preciosa sendo forjada em meio a tantas lutas, conflitos ou decepções. Se olharmos para as frustrações, talvez haja razões de às vezes estarmos tão fechados em nós mesmos, pois quem é que quer se machucar ou tem prazer no sofrimento? Portanto, em momentos como estes, fechar-se em nosso mundo é a atitude mais óbvia que podemos ter a esse respeito. No entanto, se olharmos para as oportunidades e continuarmos abertos a novas conquistas e realizações, teremos então uma atitude nobre, mas que exigirá fé e perseverança. Assim, nos fechamos para as coisas que a nosso ver nos causam mal, e nos abrimos para àquelas que nos causam bem. No entanto, só teremos certeza depois que deixamos elas entrar em nosso coração.



É impossível alguém chegar ao final da vida sem ter fabricado uma pérola sequer. Se temos que sofrer, se sofrer faz parte de nossa existência, que seja por causas nobres.  Que seja por razões humanas e nobres. Que seja por ser sincero e transparente, por ser honesto, por acreditar no amor. Que seja por crenças, que seja por fé. Que seja por Cristo, por seu amor e fidelidade. Que seja por querer uma vida mais bíblica e autêntica. Seja qual for a razão, que seja algo que ecoe na eternidade. Pois sabemos "que os nossos sofrimentos atuais não podem ser comparados com a glória que em nós será revelada". Romanos 8:18. E esta é para nós a nossa pérola.


Cada processo por mais doloroso que seja tem seu preço. Não há desafios que não apresentam riscos; obstáculos que não possam ser transponíveis; pessoas que um dia não tiveram que enfrentar seus medos, ou vitórias que não nos custaram nada. Todos olham as  nossas conquistas, julgam a nossa aparência e atitudes, porém, só Deus enxerga, no mais profundo, o que se passa em nosso coração. E isso é o que nos conquista, pois sabendo o que há em nosso coração, nem por isso nos abandona, mas se achega para mais perto ainda.


Você é responsável pela manutenção do seu coração. Não deixe que outros façam isso por você. Eles farão à maneira deles, faça você à maneira de Deus. Cedo ou tarde você colherá os frutos. Olhará para trás e terá satisfação e alegria em dizer: Eu venci! E a lembrança disso tudo será uma linda pedra preciosa.

"Sobre tudo que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procede as fontes da vida" Provérbio 4:23

Harry Érick


Sobre ostras e pérolas: mundoestranho.abril.com.br/materia/como-a-ostra-produz-a-perola

Postagens mais visitadas deste blog

Uma Luz na escuridão

"O SENHOR pelejará por vós"

Identidade Cristã