Libertos de quê? Para quê?


"Vocês, porém, são geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo exclusivo de Deus, para anunciar as grandezas daquele que os chamou das trevas para a sua maravilhosa luz" 1 Pedro 2:9






Liberdade é ter opção de escolher e decidir. Cristo te fez livre e te deu a oportunidade para recomeçar a vida à sua maneira. Como você achar melhor, do jeito que sempre sonhou. Fazer o que quiser, do jeito que sempre quis, ou à maneira de Deus.

O povo hebreu, escravizado por faraó, depois de clamar ao Senhor por sua libertação, se se vê num momento em que o Senhor resolve dar um basta nesta situação. O Senhor responde ao clamor do povo enviando Moisés como libertador. Para esta difícil tarefa, Deus se mostrou poderoso diante de faraó, magos e deuses, e diante de todo povo hebreu e egípcio. O Senhor não poupou milagres, prodígios e maravilhas para fazer com que faraó libertasse o povo e deixasse-os ir para adorar o Senhor. Assim, além da escravidão e o sofrimento que o povo hebreu era submetido, entendemos que a principal revindicação do Senhor em favor dos hebreus era que faraó deixasse o povo adorar ao Senhor, único Deus e soberano.



Assim segue a história e o povo é liberto das guarras dos egípcios por intermédio de Moisés. O povo então se encontra liberto da escravidão, da opressão de um sistema político centralizador e escravizador. Liberto da dominação do próprio homem que subjuga outros somente para satisfazer suas vontades para fins egoístas. Libertos de um tirano. Libertos de um sistema religioso idólatra, também escravizador, mágico e opressor. Liberto de deuses que exigem sacrifícios humanos para se satisfazerem. Libertos!!


Que maravilhoso olhar para trás e ver o quanto estávamos atolados de pesados fardos e alguém se preocupou conosco. Que tremendo saber que alguém nos olha diferente, além das aparências e acima das circunstâncias. Alguém que e se importa conosco de maneira diferente. Contudo, o que fazer agora que estou livre, que sou livre e liberto? O que fazer com a liberdade conquistada? O que fazer?


Assim como o povo hebreu liberto das garras dos egípcios e peregrinos no deserto, hoje por meio do sacrifício de Cristo na cruz do calvário somos livres e libertos do pecado. Da mesma maneira como os hebreus peregrinaram pelo deserto, nós também somos peregrinos nesse mundo. No entanto, não fomos livres e libertos para não ter o que fazer. Neste sentido, há duas vias que podemos tomar. Uma nos leva a um caminho de louvor, adoração e a um viver santo de acordo com a vontade do Senhor. A outra nos leva de volta ao Egito, fazendo tudo de acordo com a nossa vontade.

E aí, já pensou que caminho quer trilhar ou qual você está trilhando? Pense bem nisto. Cristo não te libertou para não fazer nada e muito menos para fazer o que quiser. Ele te libertou para um viver santo, de adoração ao Senhor e para pregar Cristo, quem te tirou das trevas para Luz. O que você tem feito com a liberdade que Deus conquistou na cruz por você? Está indo por um caminho de Adoração ou voltando pelo caminho que dá para o Egito?


A questão é que quando você decide viver do jeito que quer responderá por si mesmo, diante da lei dos homens e diante de Deus. Diante de Deus, Cristo será o advogado e só responderá por aqueles que o tem como Senhor e salvador, ou seja, àqueles que caminham em santidade e adoração ao Senhor. Nisto consiste a sua liberdade, a autoridade dos homens e a justiça de Deus. Você é livre para fazer o que quiser, porém, Deus é quem sabe o que é melhor para você - Jeremias 29:11
Harry Érick

Postagens mais visitadas deste blog

Uma Luz na escuridão

"O SENHOR pelejará por vós"

Pessoas de Pessoas