Renúncia

Desde agora ninguém me inquiete; porque trago no meu corpo as marcas do Senhor Jesus. Gálatas 6:17 

Ao Longo da caminhada Cristã, muitas coisas acontecem. Enfrentamos altos e baixos,  encontramos pedras e pedregulhos. Desta maneira, lutando com todas nossas forças, adquirimos marcas que contam um pouco da nossa história e caminhada cristã.





Quando Cristo nos encontrou, a primeira marca que adquirimos é a marca da renúncia. Cristo nos encontrou, mas para segui-lo é preciso renúncias. Desde então, renunciamos nosso próprio conhecimento,  nossas  experiências, amigos, hábitos. Porém, o maior deles é renunciar a nossa própria vontade para poder segui-lo.


Marcos 8:34 - "negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me"; Lucas 5:5 - Por causa de um chamado específico, Pedro renunciou seu trabalho e sua experiência de pescador para ser um discípulo de Cristo; Mateus 19:21 - O Jovem rico deveria renunciar  o seu apego às riquezas para poder seguir a Cristo e tê-lo como Senhor na sua vida.



Renunciar não é algo confortável e nem fácil de se fazer. Porém, é impossível ter um encontro com Cristo e continuar sendo a mesma pessoa. Renunciar algo que gostamos por causa de alguém é uma maneira de dizer o quanto amamos essa pessoa. Seguir a Cristo é dar um novo significado ao que chamamos de "vida". Há promessas de prosperidade e de vida abundante quando renunciamos por causa de Cristo.

E todo aquele que tiver deixado casas, ou irmãos, ou irmãs, ou pai, ou mãe, ou mulher, ou filhos, ou terras, por amor de meu nome, receberá cem vezes tanto, e herdará a vida eterna. Mateus 19:29

O que tem te incomodado? O que tem te tirado a paz? O que Cristo te pede para renunciar? O que tem te tirado da presença do Senhor e o que tem te atrapalhado caminhar mais perto de Cristo? Pense nisso: sua comunhão com Deus e sua fidelidade a ele vale muito mais que muitos bens, dinheiro e prazer.

Harry Érick

Postagens mais visitadas deste blog

Uma Luz na escuridão

"O SENHOR pelejará por vós"

Pessoas de Pessoas