Fé em Deus e pé na estrada!

Costumo dizer que é no caminho que as coisas acontecem. Por isso, caminhar é preciso. Para quem já sabe o que quer e onde quer chegar, o caminhar se torna menos pesado e enfadonho. Os meios, a forma, e o ritmo da caminhada, para quem crê, são dadas por Deus enquanto caminhamos. Nisto, fazemos planos, porque nos é permitido fazer e é bom planejar, contudo, é Deus quem nos trará a resposta certa.

 


Ao meditar no livro do profeta Jonas, percebi que quando Deus nos chama para fazer algo, duas coisas acontece. A primeira diz respeito a um tratar de Deus em nossa vida. A outra é que este chamado também nos leva a fazer algo bom em favor de outras pessoas.







Pensando nesse tratar de Deus em nossa vida, há momentos em que precisamos passar um tempo no ventre da Baleia. Este lugar é um lugar a sós, onde estaremos ouvindo a voz de Deus e fazendo uma avaliação da nossa vida. Deus quer saber de fato quais as verdadeiras intenções que nos motivam a fazer ou deixar de fazer isso ou àquilo. Aos poucos a nossa máscara vai caindo e nosso coração vai sendo exposto e tratado.





Martin Luther King, um pastor Batista, escreveu: "Suba o primeiro degrau com fé. Não é preciso você ver toda a escada. Apenas dê o primeiro passo". Fé é o que deve nos impulsionar a dar um passo em direção aos planos e sonhos do Senhor. E quando se trata de colocar o pé na estrada, a fé não deve esperar por algo natural ou sobrenatural acontecer para que possamos seguir. Simplesmente acreditamos e seguimos rumo aos nosso alvos e metas. 





"Você só vai saber se algo vai dar certo ou não se estiver disposto a ir, pagar o preço". Disse isso ao meu irmão enquanto ele lavava seu carro. Então ele me respondeu: "Mas não é fácil Harry!". Eu respondi: "Eu sei, por isso mesmo que precisamos ter fé!". Muitas pessoas esperam algo acontecer ou Deus fazer algo sobrenatural para então dar algum passo. Entendo que isso faz parte do processo natural pelo qual estamos acostumados. Contudo, tenho comigo que fé é algo onde esperamos que algo aconteça no decorrer da caminhada, ou seja, a iniciativa deve ser nossa.




Deus nos mostra no livro do profeta Jonas que o intolerável, inaceitável, difícil, intransponível e impossível ao olhos humanos, é possível para Deus. Deus perdoou o pecado de uma cidade inteira e livrou-a da morte por meio da pregação de Jonas e do arrependimento. A tempestade, o vento, o animal marinho que engoliu Jonas é apenas um meio para um fim maior. E se por acaso nos encontramos um pouco empoeirado, enferrujado, fora de forma, não se preocupe, quando Deus tem um plano e uma pessoa que se encaixa em seu propósito, ele mesmo dá jeito de sacudir a  sua poeira.



Antes de sairmos por aí sem paradeiro e direção, que tal ouvir a voz de Deus e saber qual é o chamado que ele tem pra sua vida?
Harry Érick

Postagens mais visitadas deste blog

Uma Luz na escuridão

"O SENHOR pelejará por vós"

Pessoas de Pessoas