Um legado de Excelência.




"Em verdade vos digo que, em todas as partes do mundo onde este evangelho for pregado, também o que ela fez será contado para sua memória". Marcos 14:9

Neste versículo, Jesus estava à mesa, na casa de Simão. Chega então uma mulher e se põe à mesa com eles. Depois, na presença de todos os homens que ali estavam esta mulher tira um perfume muito caro e derrama sobre a cabeça de Jesus, ungindo-o.


A mulher que ungiu Cristo. Trata-se de uma mulher comum e ousada. Ela enfrentou o preconceito religioso e político para estar com o seu mestre. O ato desta mulher levou Cristo a exaltá-la diante dos convidados. Sobre a mesma passagem, Mateus 26:8 diz que os discípulos começaram a reprová-la. Então Jesus responde no versículo 10 dizendo: “Porque afligis esta mulher? pois praticou uma boa ação para comigo” Sua atitude de adoração fora genuína, sincera e apreciada por Cristo. Maria por exemplo, permaneceu aos pés de Cristo enquanto Marta fazia críticas. Cristo, porém, apreciou a atitude de Maria e a elogiou por estar aos pés do Mestre aprendendo.

Num ato de amor e adoração, em um só instante, esta mulher que ungiu a Cristo gastou o equivalente a um ano de trabalho realizado por um homem. Os homens que estavam ao redor reprovaram sua atitude pensando somente no valor do perfume e nas pessoas pobres que poderiam ser beneficiadas com a venda deste perfume. Porém, o gesto foi algo raro, pois Jesus mesmo indagou dizendo: “... sempre tendes os pobres convosco, e podeis fazer-lhes bem, quando quiserdes; mas a mim nem sempre me tendes”  Marcos 14:7




E o que me chama a atenção é justamente isso, o legado de excelência e adoração que esta mulher deixou para nossa geração. Uma adoração que, ao mesmo tempo em que soa no céu, também causa efeitos na Terra. A adoração desta mulher fixou olhos em Cristo, e por isso não olhou valores monetários. Foi uma adoração sacrificial, quebrando paradigmas e impondo-se perante uma sociedade religiosa e preconceituosa. Também foi uma adoração ousada, pois estava sujeita à ser penalizada por se colocar à mesa entre homens. E o fato de ser mulher, de fato faz toda a diferença. Pois, para a sociedade vigente, implica em um ato de adoração feita por alguém que não tinha nome, identidade, voz, dignidade. As mulheres tinham muito mais deveres do que direitos. Estavam sujeitas a penalidades severas, inclusive morte por decaptação. Esta mulher foi corajosa, e por causa do seu amor e adoração, foi honrada por Cristo diante de todos os homens que ali estavam.





Esta mulher honrada por Cristo foi uma “voz” clamando por mudanças e por mais justiça. Foi uma atitude nobre de adoração que tocou o céu e causou efeitos em sua sociedade. Que este seja o legado de cada mulher Cristã. E que a atitude de Cristo seja o legado de cada homem Cristão para com toda mulher perante a sociedade.


"Em verdade vos digo que, em todas as partes do mundo onde este evangelho for pregado, também o que ela fez será contado para sua memória". Marcos 14:9

Harry Érick

Postagens mais visitadas deste blog

Uma Luz na escuridão

"O SENHOR pelejará por vós"

Identidade Cristã